4 de maio de 2010

Judiciário proíbe rodeio em município paulista

Imagem ilustrativa
O Poder Judiciário de Jaguariúna concedeu, ontem (3/5), liminar à ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público proibindo a realização do J. Festival 2010, que deveria acontecer 6 e 15 de maio.

Na decisão, a juíza Ana Paula Colabono Arias, da 2ª Vara Judicial de Jaguariúna, determinou o cancelamento do rodeio, a respectiva divulgação do fato e a restituição dos ingressos vendidos.

Além disso, a juíza determinou o pagamento de multa de R$ 11 milhões em caso de descumprimento da decisão e de R$ 3 milhões em caso da não-restituição dos valores pagos pelos ingressos.

Fonte: TJSP